PLANO GERAL DE ATUAÇÃO DO MPSC

O Plano Geral de Atuação (PGA) define os principais projetos que serão desenvolvidos pelo Ministério Público durante o ano. O PGA representa um recorte de curto prazo nas metas estabelecidas no Planejamento Estratégico para o período 2012-2022  e uma seleção de programas que deverão ser prioritários no ano.

Os projetos e as ações são definidos pela Administração e pelos Centros de Apoio Operacional. Posteriormente, a proposta de PGA é analisada pelo Conselho Consultivo de Políticas e Prioridades Institucionais (CCPPI). Com caráter consultivo, o Conselho tem, como uma de suas atribuições, a aprovação do Plano Geral de Atuação.

Ao final do ano, os resultados das ações do Ministério Público são apresentados no Relatório de Gestão Institucional (RGI).

PGA 2018/2019

Nos próximos dois anos, o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) vai intensificar a sua atuação preventiva com a criação do Grupo de Valorização à Ética e à Cidadania (GVEC) e com o lançamento oficial de iniciativas que visam a intensificação do diálogo com crianças e adolescentes. Ações repressivas à corrupção seguem a permear todas as áreas de atuação da Instituição, conforme definido no Plano Geral de Atuação (PGA) para o biênio 2018/2019. Acesse a página do PGA para saber mais.


Saiba mais

PGA 2016/2017

A partir deste Plano Geral de Atuação, o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) inicia uma nova estratégia de combate à corrupção no Estado: a prevenção e a repressão à corrupção passam a permear todas as áreas de atuação da Instituição. A ação será sistêmica e não se restringirá somente à área da moralidade administrativa.


Documento em PDF

PGA 2015

Em 2015 está prevista a execução de 23 programas e 88 ações estratégicas a serem promovidas em prol da sociedade. O PGA tem como base o Planejamento Estratégico da Instituição e as prioridades são definidas a partir do debate interno e da observação das demandas recebidas pelos Promotores de Justiça em todo o Estado.


Documento em PDF

PGA 2014

O plano Geral de Atuação 2014 é o resultado do trabalho dos Centros de Apoio Operacional do Ministério Público. Foi aprovado pelo Conselho Consultivo de Políticas e Prioridades Institucionais, depois de ouvidos todos os membros, e contempla a primeira revisão do Planejamento Estratégico. O PGA 2014 foi concluído com 24 programas e 104 projetos e atividades previstas. Navegue pelo documento no link incorporado ao lado ou acesse abaixo.


Documento em PDF

PGA 2013

O Plano Geral de Atuação 2013 contempla a execução prioritária dos programas e projetos definidos no Planejamento Estratégico realizado pela instituição. Na definição das prioridades, são ouvidos os membros do Ministério Público e o Conselho Consultivo de Políticas e Prioridades Institucionais.


Documento em PDF

PGA 2012

O PGA tem entre seus objetivos a busca de uma Administração Pública eficiente por meio de metas factíveis e desafiadoras, com ênfase na qualidade e otimização dos serviços que presta, sobretudo  buscando a melhoria no atendimento ao cidadão. 


Documento em PDF

PGA 2011

Nesse ano, elegeu-se como prioridade institucional o combate às drogas, assunto recorrente em toda sociedade mundial. Para atender as demandas que lhe são trazidas, de forma a desempenhar o seu dever Constitucional de maneira plena e eficaz, o Ministério Público deve unir-se à solução das questões de grande relevância social.


Documento em PDF

PGA 2009/2010

Nesse ano, ouvido o Conselho Consultivo de Políticas e Prioridades Institucional, a instituição optou pela manutenção do Plano Geral de Atuação de 2009, no ano de 2010, em virtude da necessidade de implementação do ali estabelecido, uma vez que as ações perpassam um ano de atuação. 


Documento em PDF

PGA 2009

O Plano Geral de Atuação para 2009 é resultado do planejamento institucional e traz as diretrizes de trabalho para o ano, traçando objetivos para que seja possível alcançar as prioridades de atuação definidas em cada área de atribuição institucional - Cidadania e Fundações, Cível e Eleitoral, Constitucionalidade, Consumidor, Criminal, Infância e Juventude, Meio Ambiente, Moralidade Administrativa e Ordem Tributária.

PGA 2008

O PGA 2008 norteia as políticas e prioridades institucionais do Ministério Público de Santa Catarina e foi elaborado com a participação dos Procuradores e Promotores de Justiça. "Numa sociedade democrática em que todos devem ser co-responsáveis, esperamos que as vozes do Ministério Público sejam um uníssono em torno de nossos valores de independência, ética, legalidade, efetividade, moralidade, solidariedade, harmonia, transparência, justiça e confiança", diz a apresentação do documento.


Documento em PDF

PGA 2007

O Plano Geral de Atuação 2007 norteia as políticas e prioridades institucionais do Ministério Público de Santa Catarina para o corrente ano e constitui-se numa importante etapa na consolidação do compromisso primordial da Instituição de ser essencial à justiça.


Documento em PDF

Imagem da capa do PGA 2006

PGA 2006

O Procurador-Geral de Justiça editou o Ato n. 247/2005/PGJ, que institui o Plano Geral de Atuação 2006 (PGA 2006). O documento norteia as políticas e prioridades institucionais do MPSC e foi construído com a participação de Procuradores e Promotores de Justiça.


Documento em PDF

Detalhe da capa do PGA 2004 e 2005

PGA 2004/2005

O modelo de gestão institucional que vem sendo implementado no Ministério Público catarinense alcança mais uma importante etapa com a elaboração do Segundo Plano Geral de Atuação.


Acesso o documento

Detalhe da capa do PGA 2003 2004

PGA 2003/2004

As instituições não existem sem uma razão de ser, tampouco existem para si mesmas. Todas têm a sua finalidade social, às vezes até legalmente estabelecida. Assim também é o Ministério Público, que, historicamente, sempre teve ao seu cargo a defesa do interesse público.


Acesso o documento